Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Inês Leal

Uma parte da minha historia, passa por aqui!

Inês Leal

Uma parte da minha historia, passa por aqui!

Hoje dia 30 de Maio faço 30 anos!!

Hoje é o meu aniversário!! Dia 30 de Maio faço 30 anos!!! Que crescida que estou... Como os anos têm passado e que responsabilidade vou tento de estar cada vez mais "crescida". Em 30 anos vivi, aprendi, sorri, conquistei, chorei, perdi, mas acima de tudo amei. Amei com todas as minhas forças aqueles que tem vindo a fazer parte da minha historia de vida, sinto me feliz e quase, quase realizada. Hoje faz também um ano que fui pedida em casamento por o homem mais perfeito à face da terra que me faz sorrir todos os dias. E claro só podia dizer que sim!! Casei me em Dezembro 6 meses depois e o Santiago foi baptizado no mesmo dia. No dia seguinte fazia o seu primeiro ano de vida e aproveitamos para ir de Lua de Mel com ele(claro) e para estarmos apenas os três durante uma semana!!! Os meus 29 anos foram quase uma conclusão, ou um resumo de todos estes anos em que conquistei dois dos meus sonhos de criança (calma que ainda tenho mais) Casar e ter filhos. Claro está que ainda tenho muitos mais para conquistar e quero acreditar sempre que os vou conseguir... Como sou 30 anos depois? Sou uma rapariga lutadora que luta por a felicidade que ama sem limites e que se dedica 24 sob 24 horas àqueles que realmente se importam e entram na minha vida para me fazer sorrir. Não é fácil entrar no meu coração, mas também não é difícil!! Posso dizer que é fácil fazerem-me sorrir!! Quando gosto, gosto mesmo e isso sente-se. Quando não me sinto bem com alguma pessoa, sou mais desligada, respeito mas não fico para o café. Sou amiga dos meus amigos, quando eles assim o fazem e sabem respeitar da mesma forma que os respeito a eles. A amizade é com o amor, vai se conquistando...e muitas vezes as conquistas acabam em desilusões!! contudo aprendi que o tudo é incerto e que o nada não prevalece.Que os sonhos se realizam e que a rotina não deve ser obrigatória, aprendi que os nossos medos acabam em vitorias e que a nossas historias podem ser semelhantes as dos filmes. Se tenho saudades de ser criança??? Tenho!!! Mas não queria voltar atrás, quero apenas ir vivendo bem devagarinho e não envelhecer muito rápido!! Mas claro quando olho para trás vejo como tive momentos bons e que me apertam o coração... Como o brincar as escondidas com a minha mãe, o ir aos baloiço com o meu pai, as idas ao zoomarine com a minha avó a minha irmã e o meu primo, os passeios de mota com o meu irmão, as dormidas na casa das amigas, o Natal repleto de bonecada. As amizades que ficaram, as noites bem passadas, as conversas de adolescentes até horas sem fim, a risada das coisas mais "bobas" os desgostos amorosos que pareciam um beco sem saída. As situações mais patéticas e os momentos mais divertidos, que passei!! Posso dizer que vivi quase sempre sorrindo. Mas como já vos tinha dito a felicidade são momentos e a realidade as vezes tem um sabor amargo. Hoje com 30 anos tenho um "mundo" só meu e uma historia dividida com aqueles que fazem parte de mim e que eu deixei entrar nela. Hoje sei que já passei por muitas tempestades para ver o sol brilhar. Hoje sei que pode estar a chover mas que em breve fará sol. Hoje acredito que nascemos com uma historia traçada e que não vale tentarmos mudar, apenas seguir o nosso coração não a nossa mente. Porque a nossa mente, "mente" e o nosso coração, não!! Lembro me em criança, antes de dormir, deitada na minha cama, imaginava-me com dezoito anos. Dezoito anos quando somos crianças é aquela idade em que para nós já podemos ter filhos casar e basicamente já somos adultas. E queria tanto que essa minha idade chegasse!!A verdade é que chegou e passou num abrir e fechar de olhos. Se mudava alguma coisa nestes 30 anos que me tivesse arrependido? Não, não mudava nada. Tudo para mim foi uma aprendizagem, tudo serviu de lição e tudo me fez crescer e aprender. Hoje a única coisa que desejo é paz, amor e saúde essas são as três coisas fundamentais para que estejamos sempre a sorrir. Contudo quero agradecer aos meus pais por tudo o que fizeram e que a minha mãe tem feito por mim, Ao meu marido que me faz apaixonar-me todos os dias por ele, À minha irmã por tudo o que me tem ajudado neste ultimo ano, À minha avózinha por os passeios maravilhosos que damos pela manhã, Aos meus sogros, por estarem sempre quando precisamos, À madrinha do Santiago e também minha melhor amiga por estar sempre presente, Às minhas amigas Marta, Mónica, Maria João, Vanessa, Ivania por apesar de não estarmos tantas vezes juntas, estão sempre no meu coração* E claro ao meu filho, por me fazer o olhar mais brilhante do Mundo e me fazer a mãe mais sortuda do Universo* E a todos aqueles que me tem proporcionado sorrisos sinceros e que tem partilhado comigo e com a minha família momentos de felicidade*** Um muito obrigada a todos <3</p

20170529_111530.jpg